top of page

9 de junho: Dia Nacional da Imunização


A importância das vacinas para crianças e adultos na prevenção de doenças e manutenção da saúde O Dia Nacional da Imunização é celebrado anualmente em 9 de junho. O objetivo é lembrar a importância das vacinas na proteção de doenças imunopreveníveis.



Vale lembrar que o Brasil é reconhecido por manter campanhas de vacinação efetivas há muitos anos, tendo apresentado sucesso na erradicação de doenças como a varíola e a poliomielite.


As vacinas também diminuíram consideravelmente outras doenças, como caxumba, gripe, rubéola, sarampo e tétano.


O Programa Nacional de Imunizações do Brasil é um dos mais completos do mundo e oferece, gratuitamente, proteção para 45 diferentes doenças para a população, entre elas a Covid-19. Atualmente, em São Paulo, diversas campanhas estão acontecendo nos postos de saúde.


Para a Covid-19, adolescentes de 12 a 17 anos já estão elegíveis para tomar a terceira dose de reforço. As pessoas acima de 50 anos e profissionais de saúde já podem procurar a quarta dose da vacina. Também estão em andamento campanhas contra o Influenza (vírus da gripe) e o sarampo.


Prevenção de doenças graves


Manter a vacinação em dia, em qualquer fase da vida, é a principal forma de evitar doenças e infecções, explica o Dr. Daniel Lerario, clínico geral e endocrinologista, mestre e doutor pela Escola Paulista de Medicina.


“Ao entrar no organismo, a vacina, seja com moléculas mortas ou atenuadas, faz com o que o nosso sistema imunológico reaja e produza anticorpos, tornando o organismo imune e protegido contra as doenças”.


A vacinação é considerada pela Organização Mundial da Saúde (OMS) como uma das intervenções de saúde pública com maior impacto na prevenção de doenças infectocontagiosas. A medida é fundamental para ajudar no amadurecimento do sistema imunológico das crianças, protegendo contra doenças graves.


Para saber se as vacinas estão em dia e quais as próximas doses a ser tomadas, o ideal é consultar o seu médico de referência. Ele avaliará não apenas o histórico do paciente, mas também estilo de vida e planos para o futuro próximo, incluindo viagens.


Todas estas informações são importantes para determinar quais vacinas deverão ser tomadas.


“A realização rotineira de um check-up de saúde é o primeiro passo para prevenir doenças e viver melhor. Prova disso está nas expectativas de vida da população, que aumentam ano após ano. A evolução da medicina vem permitindo que as pessoas em todo o mundo vivam mais e melhor. Para isso, é preciso utilizar todos estes avanços que estão a nosso alcance e cuidar da nossa saúde, quando possível, antes mesmo de surgirem sinais de problemas”, alerta o Dr. Daniel.


Nem todas as vacinas estão disponíveis na rede pública. Em alguns casos, podem ser importantes algumas vacinas que só estão disponíveis na rede privada. Nestes casos, o paciente será informado pelo médico e poderá avaliar a necessidade e a possibilidade de procurar a imunização na rede privada.


Além das vacinas


Além das vacinas, outras medidas preventivas são importantes e devem ser adotadas para manter a saúde sempre em dia.


A prática de atividade física regular e a alimentação equilibrada, são sempre importantes. como a higienização das mãos, a utilização de lenços descartáveis e máscaras em caso de gripe, tosse ou resfriado, tentar manter os ambientes bem ventilados, especialmente em época de baixas temperaturas, e lembrar de buscar as atividades ao ar livre, sempre que possível.

Comments


bottom of page