Fisiartria

Massagem nas costas
 Mulher nova que contempla

Especialidade médica que trata de dores como dores na coluna, tendinites, artroses, dores de cabeça, bruxismo, etc.

Medicina Física e Reabilitação
A Fisiatria é uma especialidade médica dedicada à prevenção, ao diagnóstico e ao tratamento não-cirúrgico de dores músculo esqueléticas como: síndromes miofasciais, dores na coluna, tendinites, bursites, dores na cabeça e no pescoço, artroses e desconfortos em face decorrentes de bruxismo.
O principal foco do fisiatra é a reabilitação do paciente, a recuperação de suas funcionalidades  e a interrupção do ciclo da dor.

Cuidado, não se acostume com a dor
Grande parte dos pacientes com dores constantes já tentaram, sem sucesso, tratamentos com anti-inflamatórios, fisioterapia ou massagem. Como não conseguem resolução,  acabam se acostumando e passam a conviver diariamente com este desconforto com prejuízo para sua qualidade de vida e bem estar.
O fisiatra é o médico que deve ser procurado nestes casos pois ele, além da prescrição de medicamentos e terapias, conta com muitos outros recursos para um tratamento mais resolutivo deste mal, tais como:

  • Infiltração ou agulhamento para inativação de pontos gatilho (injeção muscular nos pontos aonde a dor se inicia; consequentemente, todos os demais músculos relaxam).

  • Infiltração intra ou extra articular  (infiltração na articulação para acabar com tendinites, bursites, etc.).

  • Bloqueio neuro muscular.

  • Bloqueio de nervo periférico (bloqueio no nervo associado ao sintoma da dor).

  • Aplicação de Botox® para dores - como, por exemplo, para o bruxismo.


O bruxismo e a dor de cabeça
Bruxismo é um movimento involuntário da mandíbula em que a pessoa aperta ou range os dentes. Este tensionamento muscular pode gerar inúmeros desconfortos que ao se tornarem crônicos, costumam comprometer seriamente a qualidade de vida.
O diagnóstico é baseado nos sintomas clínicos, tais como: dor no pescoço, na mandíbula e nos músculos da face por causa da tensão criada sobre os músculos da mastigação, zumbido e desconforto nos ouvidos, estalos ao abrir e fechar a boca, alterações do sono, desgaste dos dentes, má oclusão e até fratura dentária.
Em grande parte dos casos, recomenda-se o uso de placas dentarias para atenuação dos sintomas, mas nem todos respondem a esta estratégia.
Para tratamento do bruxismo o médico fisiatra conta com um recurso inovador: a aplicação de Botox® nos músculos tensionados, procedimento hoje validado internacionalmente, cuja indicação é feita de modo individualizado pelo fisiatra.

Clique e faça o agendamento pelo WhatsApp.